TRYP Madrid Atocha Hotel **** -   Madrid

  • Reservas
    • Alemanha 01802 12 17 23
    • Reino Unido 0808 234 1953
    • França 0800 919 130
    • Itália 800 788 333
    • Portugal 800 83 40 38
    • Holanda 0800 022 8608
    • outros países
    • Alemanha 0800 808 8300
    • Reino Unido 0800 021 1649
    • França 0800 919 130
    • Itália 800 089 854
    • Portugal 1 800 502 220
    • Holanda 0800 022 8608
    • outros países

Mapa e Localização

Calle de Atocha, 83
Madrid 28012
Espanha

COORDENADAS:

N +40º 24' 41.61" / W -3º 41' 51.39"

Informação de contato

Tel: (34) 91 3300500Fax: (34) 91 4201560

tryp.atocha@melia.com

Check-in depois 12:00h

Check-out até às 12:00h

HomeHotéis em EspanhaHotéis em MadridTRYP Madrid Atocha Hotel ****

Rota por La Latina e El Rastro – TRYP Madrid Atocha

Bem-vindo a Madri!

Meu nome é David Pérez e sou um dos Especialistas do TRYP Atocha.

Esta é uma de minhas rotas preferidas e a que eu faria se fosse a primeira vez que visito Madri. O bairro de La Latina faz parte do distrito centro e ocupa grande parte da denominada Madri dos Austrias.

Praça Maior

Se você sai da porta do hotel, vai para a direita e continua toda a calle Atocha até o final, entrará na Praça Maior (antigamente denominada Plaza del Arrabal). As origens desta praça remontam ao século XV, onde se celebrava o mercado principal da Vila. No centro da praça se encontra uma estátua equestre de Felipe III, de 1848. Te recomendo que dê uma volta pela praça e seus pórticos e saia pelo arco de Cuchilleros (o mais famoso dos nove). A altura deste arco é devida ao grande desnível existente entre a Praça Maior e a Cava de San Miguel. Descendo suas escadas, podemos encontrar o restaurante mais antigo do mundo, que data de 1725,conhecido como “Sobrino de Botín”

Plaza de Puerta Cerrada e Plaza de la Paja 

Deixando à direita o mencionado restaurante e descendo a calle Cuchilleros, você encontrará numerosos restaurantes e bares até chegar à Puerta Cerrada, praça encimada por uma cruz de pedra de 1738. À direita você pode observar a cúpula da Colegiata de San Isidro, templo Católico que foi a catedral provisória até que se terminou a Catedral da Almudena em 1993. A praça de Puerta Cerrada é formada pela intersecção das calles Cava Baja, do Nuncio, Segovia, de Cuchilleros, de San Justo, de Latonerso e de Gómez Mora. Se você deixar a praça de Puerta Cerrada às suas costas e tomar a calle Nuncio, chegará à Costanilla de San Pedro e daí à praça de Los Moros que, junto com a praça de la Paja e a praça de la Cebada, formam o centro nevrálgico da Madri dos Austrias. Se você descer para a praça de la Paja ao fundo, poderá observar a Igreja de San Andrés e o Jardim do Príncipe de Anglona, uma das escassas mostras de jardins nobiliários do século XVIII.  Pela carrera de São Francisco você chega à Real Basílica de São Francisco, o Grande.

Calle Segovia

À direita do Jardim do Príncipe de Anglona, desça a rua e chegará à calle Segovia e, virando à esquerda, verá de frente a impressionante Ponte de Segovia, monumento renascentista do arquiteto Juan de Herrera. Se continuar descendo até colocar-se debaixo desta, à esquerda há um caminho que nos levará às Vistillas, onde você poderá contemplar uma bonita panorâmica da cidade, ou inclusive tirar um descanso e desfrutar do pôr do sol. Daqui você também poderá cruzar a ponte de Segovia por cima e chegar à Catedral da Almudena, ao Palácio Real e aos Jardins de Sabatini.

Cruzando a calle Bailén, você chegará ao Palácio do Oriente e ao Teatro Real. Uma vez alcançado o Teatro Real, tome a calle Arenal até encontrar a calle Fuentes, que nos levará de novo à Praça Maior, atravessando Cuchilleros. No início desta rua, no lado esquerdo vale a pena uma parada no Mercado de San Miguel, para desfrutar de um ambiente castiço acompanhado de umas típicas tapas.

El Rastro

Qualquer domingo de manhã e nos feriados, você poderá desfrutar do castiço Rastro madrileno, cuja origem se encontra no século XIX e percorre hoje em dias as ruas desde a Praça de Cascorro até sua área limítrofe na Ronda de Toledo. El Rastro convida a relaxar e desfrutar do ambiente, inclusive você poderá comprar qualquer tipo de mercadorias, com exceção de comestíveis e animais. Acessa-se com muita facilidade, pois se localiza perto da Praça Maior e pode-se chegar a pé desde a Porta do Sol ou a través do Metrô, nas paradas de La Latina ou Porta de Toledo.

ONDE COMER

Na região, onde você quiser, está cheio de pequenos bares, tavernas e restaurantes para todos os gostos. Desde a calle Cuchilleros, com restaurantes de toda a vida, de tapas pela Cava Baja e Cava Alta (muito recomendável). Na Praça Maior você pode degustar os famosos sanduíches de camarões e distintas porções e tapas. E para uma boa paella e um atendimento delicado, o Restaurante El Arrozal na calle Segovia, 13, e para comer o melhor cordeiro ao forno de Madri, La posada de la villa.

ALGO PARA BELISCAR

Na calle do Nuncio se encontra o restaurante El Madroño, um lugar que nos leva à Madri de antanho, com os chulapos e as chulapas. Ambiente muito agradável.

PASSEANDO à TARDE e à NOITE

Na plaza de la Paja, um luar onde o fim de semana convida a estar sentado em seus diferentes terraços e, sobretudo, desfrutar de um lugar como El DELIC, famoso por seus mojitos e pela variedade de deliciosos bolos.

Reserve o seu quarto

Total:
Quartos:
Adultos
Crianças