Meliá Peninsula Varadero -   Varadero

  • Reservas
    • Alemanha 01802 12 17 23
    • Reino Unido 0808 234 1953
    • França 0800 919 130
    • Itália 800 788 333
    • Portugal 800 83 40 38
    • Holanda 0800 022 8608
    • outros países
    • Alemanha 0800 808 8300
    • Reino Unido 0800 021 1649
    • França 0800 919 130
    • Itália 800 089 854
    • Portugal 1 800 502 220
    • Holanda 0800 022 8608
    • outros países

Mapa e Localização

Parque Natural de Punta Hicacos
Varadero
Cuba

COORDENADAS:

N +23º 12' 5.90" / W -81º 8' 11.03"

Informação de contato

Tel: (53) 45 668800Fax: (53) 45 668805

tryp.peninsula.varadero@melia.com

Check-in depois 14:00h

Check-out até às 12:00h

HomeHotéis em CubaHotéis em VaraderoMeliá Peninsula Varadero

Informação para o viajante – Meliá Península Varadero

Com o fim de tornar mais satisfatória sua visita a nosso país e evitar qualquer contratempo, pomos à sua disposição uma série de conselhos que te servirão de ajuda:

REGULAMENTOS MIGRATÓRIOS E ADUANEIROS EM CUBA

Para entrar no país, você deve portar um passaporte habilitado e o visto correspondente (ou cartão de turista) emitido por seu agente de viagens ou pelo consulado cubano no país de origem (salvo nos casos de países que mantêm convênio de livre visto com Cuba).

Você também deve contar com um seguro de viagem que inclua gastos médicos ou uma apólice de gastos médicos, com cobertura dentro de Cuba. Para mais informação, visite o site do Ministério de Turismo de Cuba (www.cubatravel.cu) e da empresa seguradora Asistur (www.asistur.cu)

Para o controle de viajantes, a Aduana cubana utiliza nos portos e aeroportos internacionais o sistema de Canal Vermelho e Canal Verde.

Na entrada no país, seus pertences pessoais ficam isentos do pagamento de direitos de aduana.  Como viajante, você pode importar, além disso, artigos novos ou usados que não façam parte de seus pertences pessoais, até o valor total máximo de 1000 CUC.

Você pode importar sem limite qualquer quantidade de moeda livremente conversível, em dinheiro, cheques ou outros meios de pagamento utilizados na prática bancária internacional. Se a quantidade portada ultrapassar os 5000 dólares americanos (USD) ou seu equivalente em outras moedas em dinheiro, você é obrigado a declarar perante os funcionários da Aduana Geral da República e preencher a Declaração de Aduanas para Passageiros.

Na sua saída do país, você só pode exportar livremente até 5000 USD ou seu equivalente em outras moedas em dinheiro ou mediante cheques ou outros meios de pagamento utilizados na prática bancária internacional. Você não pode exportar o meio de pagamento denominado “peso conversível de curso legal” (CUC), em qualquer denominação, nem pesos cubanos (CUP), sem caráter comercial.

Você não pode importar, exportar nem consumir drogas e estupefacientes; explosivos; objetos, fotos, literatura ou qualquer outro artigo pornográfico; animais, plantas e suas partes conceituadas como espécies protegidas ou em perigo de extinção. Se violar este regulamento, você fica sujeito às responsabilidade penais que correspondam a cada caso.

Tampouco você pode importar ou exportar armas de fogo sem a autorização expressa da Direção de Segurança Pública do Ministério do Interior. Você deverá tramitar as permissões correspondentes antes de sua chegada ao país.

Para mais informação, visite www.aduana.co.cu

FORMAS DE PAGAMENTO

O peso cubano (CUP) é a moeda nacional, mas o pagamento de todos os produtos e serviços turísticos no país se realiza utilizando o peso conversível (CUC). Em Varadero, Cayo Coco, Cayo Guillermo, Cayo Santa María, Cayo Largo del Sur, Santa Lucía (Camagüey), Praia Covarrubias (Las Tunas) e nos balneários do litoral norte de Holguín se admite, além disso, o pagamento em euros.

Você também pode realizar pagamentos com cartões de crédito VISA INTERNATIONAL, MASTERCARD, ACCESS, BANCOMER INTERNATIONAL, BANAMEX, DINNERS CLUB INTERNATIONAL, JCB e CARNET, e outros emitidos no país (cartões BFI e RED). Não se aceitam os cartões emitidos por bancos dos Estados Unidos da América e suas filiais.

Em Cuba já não circula o dólar americano, razão pela qual te recomendamos não trazer dólares americanos, pois há um ônus estabelecido, no câmbio, de 10%. Troque o dinheiro nas Casas de Câmbio (CADECA) existentes nas principais localidades do país ou em outros lugares oficiais habilitados par tais efeitos. Nunca o faça na rua, extraoficialmente. Na hora de fazê-lo, leve em conta que o CUC é equivalente a 24 CUP (venda) e 25 CUP (compra).

Para uma informação detalhada sobre as formas de pagamento em Cuba, consulte

SERVIÇOS MÉDICOS

Se você provém de um país onde haja febre amarela e cólera endêmica ou de algum declarado zona de infecção pela Organização Mundial da Saúde, deve apresentar um certificado de vacinação emitido pelo menos 10 dias antes e não mais de 10 anos anteriores à data de entrada na Ilha.

Existem serviços médicos em todos os hotéis de Cuba e Clínicas Internacionais nos principais pólos turísticos do país.

ACERCA DA EXPORTAÇÃO

Na sua saída do país, você tem a obrigação de declarar verbalmente, perante a Aduana, todo o tabaco torcido que levar com você ou na bagagem; podendo extrair até 50 unidades sem a obrigação de apresentar nenhum documento. Não obstante, você pode exportar quantidades superiores à referida cifra sempre que estejam contidas em envases originais, fechados e selados com o holograma oficial estabelecido, e credite a aquisição lícita com a fatura ou documento de venda oficial, expedido pela rede de lojas autorizadas a comercializar tabacos de Havana. Serão confiscadas de você as quantidades acima das 50 unidades que não sejam declaradas por você ou qualquer outra que ultrapasse o declarado ou, tendo-as declarado, não credite sua aquisição lícita mediante fatura ou documento de venda oficial.

Você pode exportar artigos de arte que não constituem bens patrimoniais, apenas com a autorização expressa do Registro Nacional de Bens Culturais. Você não pode exportar livros e outras publicações com mais de 50 anos de editados, os exemplares de Ediciones R ou aqueles cunhados por bibliotecas ou outros organismos.

MAIS SOBRE CUBA

Em Cuba há total liberdade de culto, garantida pela Constituição da República. As características climáticas do país exigem roupa leve, preferivelmente de algodão. O traje de banho e os cremes antissolares não devem faltar em sua bagagem, bem como um suéter ou abrigo leve se você viaja no inverno ou pensa visitar regiões montanhosas.

A energia elétrica é de 110 volts, 60 ciclos; embora muitos hotéis disponham também de 220 volts. A maioria das tomadas são para pinos planos, se os seus têm outra forma, te recomendamos viajar com um adaptador. A hora de Cuba é de -5 meridiano de Greenwich (hora-padrão do leste nos Estados Unidos da América e Canadá). De abril a outubro se implanta o horário de verão (os relógios são adiantados uma hora) para aproveitar ao máximo a luz solar.

Reserve o seu quarto

Total:
Quartos:
Adultos
Crianças